“O Guerreiro Midiático” é o título da biografia do jornalista e pesquisador José Marques de Melo, escrita por Sérgio Mattos e editada pela Vozes. O livro foi lançado no último sábado, dia 4, durante o congresso da Intercom, que neste ano aconteceu em Caxias do Sul. “A história da vida dele é muito gostosa, parece um romance”, comentou o autor. Reconhecido estudioso do Jornalismo, José Marques de Melo já tinha sua trajetória acadêmica traçada em perfil por Maria Cristina Gobbi. “Faltava registrar em livro o seu aspecto humano”, completou Mattos.

Buscando explicações numerológicas, astrológicas e místicas ao sentido que a carreira do professor tomou, Mattos chegou à conclusão de que ele é um predestinado, além de obstinado, a batalhar no campo das mídias. É a partir deste aspecto que a narrativa é desenvolvida. O biografado antecipa não concordar completamente com esta visão, apesar de ainda não ter lido o livro no dia do lançamento. Ainda assim, ressaltou o seu contentamento por ter sido foco de interesse do escritor e jornalista Sérgio Mattos.

Com o sotaque alagoano combinando à fala tranquila, Melo confessou à equipe do Nonada após o evento sua impressão sobre ser o personagem de um livro. “Acho que estou muito moço ainda para ser biografado, mas já que os colegas insistem… Minha expectativa é que as pessoas me conheçam melhor. Quem sabe assim eu faça mais amigos”, disse bem humorado. Fundador da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP), ele foi o primeiro doutor em Jornalismo titulado por Universidade Brasileira, em 1973.

Deixar um comentário

Não há comentários nessa página ainda. Vamos começar essa conversa!

Deixe uma resposta