A editora estadunidense Marvel está há algum tempo se ocupando do seu mais recente crossover, Avengers vs. X-Men, cujo enredo, como os leitores mais atentos devem ter percebido, consiste em um grande conflito entre os dois times mais representativos de seus super-heróis. Um evento enorme, um acontecimento de proporções que prometem (e vinha prometendo, segundo os próprios editores da Marvel já diziam mesmo antes de seu lançamento oficial) mudar o universo Marvel por completo. Com a enorme importância que foi dada para a série, os fãs não podiam deixar de se perguntar: e depois?

Quando Avengers vs. X-Men chegar a uma conclusão, a Marvel já anunciou o que virá: o projeto chamado Marvel NOW!, que começará em outubro, lançando novos títulos, relançando antigos, e reformulando histórias e as equipes de criação por trás de cada publicação. Brian Michael Bendis deve sair dos Vingadores para trabalhar em uma nova revista dos X-Men, Jonathan Hickman deve terminar sua série no Quarteto Fantástico para começar uma nova revista quinzenal dos Vingadores e Rick Remender começará a trabalhar em um novo título, representativo de toda essa nova era de mudanças: Uncanny Avengers, que vai misturar Vingadores e X-Men em um grande time de heróis.

Nisso, obviamente, diversos personagens serão alterados, e os dois times se reposicionarão para o futuro da editora.

Os treze personagens chave do reboot Marvel NOW!, segundo Joe Quesada

Claro que ninguém deixa de notar que essa estratégia de reformulação já tinha sido tomada pela DC, grande concorrente da Marvel, ainda no ano passado. Com The New 52, a DC relançou toda sua linha, remoldando revistas e histórias, alterando times de criação e mudando personalidades e histórias pessoais de diversos personagens. Com duas diferenças: o reboot da DC não foi apoiado por uma história, foi uma decisão executiva-editorial que não teve uma explicação diegética; e foi um reboot relativamente brusco, de uma semana para a outra, surgiram diversos títulos novos, títulos velhos deixaram de ser publicados, personagens estavam diferentes. O Marvel NOW! terá uma explicação dentro da história (a conclusão do crossover Avengers vs. X-Men) e será feito ao longo de cinco meses: de outubro de 2012 a fevereiro de 2013, algumas novas revistas serão lançadas semanalmente.

Essas duas diferenças supostamente farão toda a diferença, facilitando a aceitação do público de toda uma reformulação no universo, gradualmente e com uma explicação no enredo, e não só editorial.

Alguns detalhes sobre os três títulos principais:

Uncanny Avengers:  Será uma exploração de temas do mundo tanto dos Vingadores quanto dos X-Men e terá uma razão natural de existir, após a conclusão de Avengers vs. X-Men. A linha geral seria que Capitão América percebe que não tem feito muita coisa para ajudar os mutantes, e passa a tentar explorar mais as relações humano-mutante. Roteiros de Remender e arte de John Cassaday, a revista contará com Capitão América, Thor, Wolverine, Havok, além de alguns personagens menos conhecidos. O primeiro inimigo do time será o Caveira Vermelha original, sua consciência vinda direto do fim da Segunda Guerra Mundial. O grande nazista colocará seu foco de ataque no séc. XXI, obviamente, nos mutantes. Remender afirma que a série não apenas unirá os super-heróis em um time, mas também envolverá uma união dos respectivos vilões. Nos EUA, será lançada em outubro. Promete.

All-New X-MenBendis sabe a importância que cada personagem (das centenas existentes) de X-Men tem para os fãs. Sua idéia para os X-Men vem de uma ideia antiga entre os roteiristas da Marvel. Trazer os X-Men originais para o presente e ver qual seria a reação deles ao perceber como o mundo está para os mutantes. Será uma história de viagens no tempo, com o time original (Ciclope, Marvel-Girl, Fera, Anjo e Homem de Gelo, adolescentes e com roupinhas azul e amarela, tirados de um quadro específico das revistas originais de Stan Lee e Jack Kirby) vendo os mutantes do presente – suas versões adultas inclusive – e não gostando nada do que vêem. Arte de Stuart Immonen, a revista representa a realização de um pedido antigo dos fãs: queremos Jean Grey de volta. Nos EUA, será lançada em novembro.

Avengers: Jonathan Hickman é conhecido por contar grande histórias – em seu tempo no Quarteto Fantástico, planejou enredos com anos de antecedência, colocando pequenos detalhes em histórias que só iriam fazer diferença muito tempo depois. É isso que ele deve trazer para a nova série dos Vingadores. Ele afirma que não serão apenas alguns Vingadores, mais mais de 18, entre os mais populares, os menos conhecidos e os personagens novos. A arte será de Jerome Opena. A primeira história deve se chamar Avengers World, em que os heróis devem se tornar maiores, em resposta a uma época cada vez mais perigosa. Será uma série quinzenal misturando histórias de cinco ou seis edições com one-shots focados em personagens individuais. O único personagem até agora revelado foi Shang-Chi, o mestre de Kung-Fu. Nos EUA, será lançada em dezembro.

Quanto a imagem de Joe Quesada divulgada pela Entertainment Weekly, 13 personagens que serão chave no Marvel NOW!: Homem-Aranha, Hulk, Marvel Girl, Nova, Homem de Ferro, Nick Fury, Capitão América, Rocket Raccoon, Wolverine, Ciclope, a Mulher Invisível, Thor e Cable. Segundo Quesada, tudo nessa imagem tem um motivo: as novas roupas, os personagens, o robozinho flutuando perto do Hulk e até o maldito Rocket Raccoon.

Agora é só esperar isso tudo chegar no Brasil – ou, pros mais apressados, sempre tem a internet.

Comentários

comentários

Powered by Facebook Comments