Neste ano de dificuldades, o Nonada – Jornalismo Travessia completa 10 anos. E nós precisamos do apoio de vocês pra seguir colocando no foco da pauta as expressões artísticas de todos aqueles que são marginalizados mesmo compondo de forma rica o panorama da cultura nacional.

Por isso, lançamos nosso financiamento coletivo, disponível no >>> apoia.se/nonada <<<. Lá é possível pra escolher a recompensa (botton, ecobag, marcador de página, cursos e a participação no nosso Conselho Editorial). Também é possível optar por colaborar mensalmente se quiser.

Contribua aqui

Recompensas:

Ecobag e botton 

Pra quem quiser ter um pouco do Nonada em casa, você pode escolher entre esses dois itens e ainda ganha um marcador de página de brinde. Retirada após término da campanha no bairro Cidade Baixa, ou envio com frete a cargo do apoiador. Clique para ver as imagens em tamanho maior: ecobag / marcador / botton

Conselho Editorial

Queremos que o conselho editorial do Nonada seja um espaço de troca e convivência. Sabemos que há muitas pautas que poderiam ganhar visibilidade e queremos colocar isso em prática de forma sustentável. As pautas sugeridas serão votadas pelos próprios integrantes do Conselho para a equipe do Nonada tocar!

Curso online de Jornalismo Independente

Curso online de Jornalismo Independente via zoom. Os encontros terão caráter teórico e prático, compartilhando a experiência do Nonada em mais de dez anos de trabalho independente no jornalismo. Serão três encontros de cerca de 1h30: Breve histórico do jornalismo alternativo/independente no Brasil; Iniciação da reportagem investigativa; Em busca da publicação.

Curso online de crítica cultural

Quer se especializar na escrita de críticas ou resenhas? Neste curso teórico e prático em dois encontros online, abordamos os fundamentos de uma boa crítica, as diferenças entre crítica e resenha, além de um panorama do jornalismo cultural no Brasil. Bibliografia baseada em autores como bell hooks, Susan Sontag e Daniel Piza. Datas a combinar.

Por que precisamos de vocês

Cobertura de Políticas Culturais

Uma de nossas especialidades é a cobertura de políticas públicas na área cultural, em âmbito tanto regional (Porto Alegre e Rio Grande do Sul), como nacional. Algumas de nossas matérias repercutiram e realmente modificaram as questões abordadas, sempre ligadas a problemas que os trabalhadores da cultura enfrentam. Acreditamos que falta uma cobertura jornalística interessada e aprofundada que reivindique demandas necessárias para a classe cultural. Com este financiamento, queremos intensificar esta cobertura, sobretudo levando em conta a crise da Covid-19.

Observatório de Censura à Arte 

Desde 2019, realizamos um projeto especial de cunho jornalístico voltado a mapear os casos de censura às expressões artísticas no Brasil. Nosso ponto inicial foi o episódio do Queermuseu, de 2017, um marco devido à repercussão emblemática. O Observatório serve como fonte de pesquisa para outros jornalistas e entidades realizarem matérias e trabalhos relacionados à censura nas variadas formas de expressão artística. Acesse aqui > censuranaarte.nonada.com.br

Compromisso com a diversidade da Cultura 

O jornalismo que cobre cultura também tem um compromisso com a área, no sentido de entender esse conceito além do sinônimo estrito de obra artística. E sim cultura como o conjunto de elementos que representam as mais variadas formas de viver, como um processo. Por isso, é importante enxergar e mostrar para os nossos leitores toda essa diversidade formadora. A pandemia do novo coronavírus afetou em cheio os trabalhadores da cultura e populações indígenas, quilombolas e LGBTs e a gente espera poder contribuir um pouco com informação nesse sentido.

Bolsas para os integrantes do coletivo e estudantes de universidades públicas 

Além de remunerar os próprios integrantes do coletivo, uma de nossas ideias é também incentivar a publicação de reportagens da área cultural, e oferecer bolsas remuneradas de trabalho para jornalistas e estudantes de universidades públicas, sempre como foco na políticas de diversidade quanto à escolha dos bolsistas. No caso de estudantes, também faremos um acompanhamento de perto, auxiliando na produção e apuração da matéria.

%d blogueiros gostam disto: