Apesar de ter o mesmo nome de pequena sereia – o que deve ter rendido boas piadas entre os colegas de escola –  o editor de Comics do Nonada não tem (quase) nada de doce. Pelo contrário. Os comentários mais irônicos e inteligentes das reuniões invariavelmente saem da boca dele, mesmo não sendo o mais falante da turma. Isso porque o Ariel tem os dedos mais afiados do que a língua. Só tempos depois é que fui descobrir que ele é muito mais comunicativo virtualmente.

 

Um certo distanciamento lhe confere um ar blasé, mas só na primeira impressão. Ou na segunda. Definitivamente não é aquele tipo de pessoa que se deslumbra com as coisas. O que já é um bom começo para quem se lançou no mundo do jornalismo.  Se, por acaso, você encontrar ele na rua e ficar na dúvida de que se trata dele mesmo é só procurar pelos fones de ouvido (da cor branca) enrolado no pescoço,  um traço muito peculiar no visual (e na personalidade) do Ariel. Para não ser injusto devo citar também as camisetas que ele usa. Sempre de muito bom gosto.

 

 

Outro ponto que não pode deixar de ser mencionado é que ele estuda japonês, o que por sí só já o faz uma pessoa diferente. E apesar de gostar de mangás e curtir a lingua dos nascidos na terra do sol nascente, ele não é daqueles aficcionados por cultura oriental. Ou ,se é, é o mais ocidentalizados deles. Pois, qual japonês que se preze prefere uma boa massa italliana ao sushi, sashimi, tempura e yakisoba?

 

Depois de horas tentando definir Ariel em poucas palavras resolvi abandonar as armas e partir para o plágio. Citando o que disse o Guilherme Brendler, nosso editor de Literatura, certa vez : “Ele é mesmo um personagem de quadrinhos”.

 

 

Twitter: @aryeallarol
Email: comics@nonada.com.br
Editoria: Comics

Comentários

comentários

Powered by Facebook Comments

Deixar um comentário

Não há comentários nessa página ainda. Vamos começar essa conversa!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *