...

Assine a Firmina, newsletter sobre liberdade artística, educacional e religiosa

Na próxima quinta-feira (10), o Nonada Jornalismo lança a Firmina, newsletter gratuita que trará notícias, entrevistas e reportagens sobre liberdade de expressão. Com periodicidade semanal, a iniciativa tem como foco monitorar casos e políticas relativas à perseguição e à criminalização de artistas, professores e pessoas que sofrem racismo religioso.

As áreas demandam atenção especial na medida em que periodicamente são registrados casos que ferem os direitos relativos à liberdade artística, educacional e religiosa. Ataques a povos de terreiro, perseguições políticas a professores e censura a artistas aparecem como exemplos de ataques à liberdade de expressão, além de projetos e movimentos organizados que buscam pautar a agenda política no país.

O Brasil figura em 86ª no ranking do Relatório Global de Expressão, publicado pela ONG Artigo 19. Em 2020, o estudo avaliou a situação de 161 países segundo 25 indicadores, como liberdade de debate, liberdade acadêmica e cultural e esforços de censura pelo governo. “Nos últimos cinco anos, o Brasil deixou de figurar entre os países com os melhores índices de liberdade de expressão para ser considerado uma democracia em crise”, aponta a organização.

A newsletter Firmina é nomeada a partir da escritora e professora Maria Firmina dos Reis. Nascida no Maranhão em 11 de março de 1822, ela se tornou a primeira romancista negra do país e rompeu barreiras ao apresentar uma obra abolicionista cujo legado ecoa até hoje. Na semana do seu bicentenário, o Nonada homenageia Maria Firmina por seu pioneirismo e talento enquanto escritora, professora, intelectual e funcionária pública.

A assinatura da Firmina é totalmente gratuita e financiada por doações espontâneas na plataforma Catarse.me. Você pode ajudar contribuindo com qualquer valor a partir de R$5.

Cobertura sobre casos de censura

Além de reportagens na interseção entre arte e direitos humanos, o Nonada Jornalismo vem se dedicando a projetos voltados a investigar a censura e as violações dos direitos dos artistas. Em 2019, o veículo criou o Observatório de Censura à Arte, plataforma que mapeia casos de censura em todo o país a partir de denúncias recebidas e checadas com método jornalístico. Em 2020, com financiamento do Sesc Cultura Convida, produzimos o “Cartografias da Censura à Arte”, podcast sobre a história da censura no Brasil desde a ditadura militar até os tempos atuais. 

No ano passado, o Nonada lançou o projeto Dossiê Arte, Diversidade e Liberdade de Expressão, uma reportagem aprofundada com base na escuta de artistas sobre violações sofridas no fazer artístico, incluindo casos de assédio, detenção, judicialização e censura.

Assine gratuitamente a Firmina a partir deste link.

Ler mais sobre
censura
Direitos humanos Reportagem

Artistas do hip-hop são alvo de criminalização e abordagens policiais

Direitos humanos Reportagem

Dossiê Arte, Diversidade e Liberdade de Expressão: artistas compartilham relatos de violência no cotidiano