Ilustração: Renata Dorea/Nonada

Novo projeto do Nonada promove oficinas gratuitas de comunicação cultural

Potencializar a divulgação de culturas locais diversas: é esse o horizonte do Comunica, trilha de formação e capacitação voltada para a comunicação cultural. Ao todo, são nove oficinas presenciais e uma oficina online que trazem temas como diversidade e direitos humanos, mapa afetivo, conceitos básicos do jornalismo, produção cultural.

A primeira edição do Comunica ocorre em Campinas, no Instituto Redenção, a partir de 18 de setembro. As atividades são destinadas a agentes culturais, líderes comunitários, integrantes de coletivos, professores, estudantes de Ensino Médio e interessados em aprender sobre a comunicação cultural. Os 30 participantes que tiverem pelo menos 75% de presença receberão bolsa-auxílio de R$ 1200.

Entre os oficineiros, estão nomes como a artista Raquel Kubeo, o mestre em Geografia pela UFRGS e integrante do projeto Sementes da Retomada Hiro Okido e Robaldo Matos, co-fundador da organização Desenrola e Não Me Enrola. Mais informações sobre as inscrições neste link.

Além das oficinas, o projeto também vai oportunizar a realização de um documentário, elaborado pelos alunos em conjunto com uma produtora audiovisual, e da Revista Nonada, que terá distribuição gratuita, com tiragem de 1500 exemplares. Com a temática “Cultura e Meio Ambiente”, a revista trará reportagens sobre a participação da cultura na luta pela Justiça Climática, com ilustração de capa da artista Mitti Mendonça.

“Acreditamos que esse projeto pode ajudar a florescer novas iniciativas voltadas para divulgar a cultura local em toda sua diversidade e assim gerar renda para os participantes. Escolhemos Campinas em razão da potencialidade cultural que a cidade oferece”, afirma Thaís Seganfredo, coordenadora do projeto.

Comunica: potencializando culturas locais é realizado por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura (Lei 8.313/91) – Ministério da Cultura, Governo Federal, Brasil: União e Reconstrução. A coordenação geral é da Associação Cultural Nonada Jornalismo, com produção executiva de Amora Produções Culturais, apoio do Instituto Redenção, e patrocínio da empresa John Deere.

Conheça os temas e as datas de cada oficina:

18/09 – Conceitos básicos de comunicação e jornalismo cultural

19/09 – Escrita criativa: histórias de vida

20/09 – Mapa afetivo: identificando pautas culturais na comunidade

21/09 – Diversidade cultural e direitos humanos

25/09 – Saindo da caixa: formas criativas de distribuição

26/09 – Produção Cultural

27/09 – Oralidade e expressão

28/09 – Cultura digital acessível

01/10 – Introdução ao audiovisual

De 02/10 a 15/10 – atividades práticas (produção do documentário e da revista)

Compartilhe
Ler mais sobre
direitos humanos
Ler mais sobre
Direitos humanos Reportagem

Voluntários da cultura promovem arte e acolhimento às crianças em abrigos no RS